Sigmund Freud chamou de neurose de destino o sentimento permanente de fatalidade que se impõe aos nossos esforços de mudança e transformação; psiquicamente, a lei maior de nossas escolhas está condicionada pelo cruzamento da possibilidade do futuro com as heranças do passado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Relação mãe e filha

Consequências psicológicas do aborto